ARCserve Backup r16.5: atrativos da nova versão

A versão r16.5 do CA ARCserve Backup chegou trazendo um pacote de novidades irresistíveis que promete conquistar de vez a sua empresa.

ca-arcserve-backup-r16-5-more-than-backupÉ com cheiro de coisa nova no ar que a CA Technologies lança a versão r16.5 do CA ARCserve Backup. Apresentando um conjunto atraente de melhorias, a missão é agressiva: ser a melhor base para as estratégias de proteção de dados, continuidade de negócios e recuperação de desastres.

As armas para chegar lá são das mais fortes!

O CA ARCserve Backup r16.5 oferece várias funcionalidades novas nos produtos de backup de arquivos, backup de imagens, replicação e alta disponibilidade para elevar ainda mais o nível da já premiada versão 16.

O diferencial principal é trazer um pacote que leva o CA ARCserve Backup para além do backup básico, oferecendo para a sua empresa proteção de dados simples de forma abrangente com rápida recuperação.

Seguindo a linha das novidades, um atrativo inteligente apresentado é a opção de fazer backup em disco para agilidade e em fita, reduzindo custos. Inclui backups sintéticos completos, recuperação de desastres WinPE, arquivamento de arquivos e cópia integrada de backup em nuvem para ambos os servidores físico e virtual.

Outro “detalhe” que pode fazer toda a diferença, é que o CA ARCserve Backup promete reduzir o seu armazenamento de backup em até 95 por cento por meio da desduplicação integrada de dados, sem nenhum custo extra. Nada mal!

Como cereja do bolo, está a oferta de um alto valor, uma vez que suporta os ambientes Windows, UNIX e Linux com armazenamento DAS, NAS, SAN e, agora, também, através da versão r16.5 oferece suporte a Windows Server 2012. Pode ser usado para proteger volumes de Resilient File System (ReFS), desduplicação NTFS, espaços de armazenamento e máquinas virtuais Hyper-V 3.0. Você obtém backup NTFS e Hyper-V mais rápido e um suporte de sistema mais amplo.

Alguns outros aprimoramentos que valem menção são: maior suporte para virtualização (incluindo Microsoft Hyper-V, Citrix XenServer e VMware vSphere 5.1); virtual standby remoto; maior rendimento (velocidades de backups NTFS aumentaram cerca de 43%); failover em cascata, possibilitando replicar servidores e seus dados para vários servidores “failover” remotos, suporte ampliado na nuvem, suporte para mais plataformas e mais.

Se ainda não estiver convencido das melhorias, solicite o contato de um dos especialistas técnicos, que não vai deixar dúvidas: http://www.4partner.com.br/ca-technologies/cotacao